Wiki Creepypasta Brasil
Advertisement
Imagem do Mod

Bom, antes de tudo quero contar um pouco sobre mim. Meu nome é Alex e eu ainda moro com meus pais, não consigo ficar conformado com o que eu acabei de ver hoje, mas esse é um relato um tanto quanto perturbador e não consigo dormir já faz algum tempo, mas tudo isso começou faz alguns dias quando eu decidi seguir a recomendação de alguns amigos. Skyrim era um jogo muito emocionante, que diferentemente dos outros títulos da franquia, esse você poderia combater dragões e se aventurar em um mundo mais polido.

Apesar de o jogo ser bastante instigante, algumas partes dele poderiam ser um pouco tediosas por se tratar de vários minutos de caminhada, foi aí que eu tive a ideia de instalar alguns mods, alguns deles pra melhorar a experiência e não interferirem na lore do jogo em si. Perambulando no site do nexusmod, uma das modificações que estavam ali me chamou bastante atenção e se chamava "Greedy Fox" (algo como "Raposa Gananciosa") e eu vi que se tratava de uma das mecânicas do jogo em que você seguia uma raposa e ela te levava para muitos tesouros, aquele mod apenas tinha como descrição a versão dele e uma foto de uma raposa, que a propósito era bastante esquisita. Na foto continha uma raposa que provavelmente estava morta, pois o comando "Search" aparecia quando se apontava para ela, e ela parecia estar encarando algo enquanto estava naquela posição sentada, algumas flechas estavam perfuradas em seu corpo e ela estava bastante ensanguentada, decidi baixar o mod do mesmo jeito, afinal ele só pesava alguns kbs.

Ao iniciar o jogo algo bastante peculiar ocorreu, pois, estranhamente, a logo da Bethesda não apareceu, ao invés disso apenas a opção "Novo jogo" estava na tela, nada de opções ou carregar um save. Decidi aceitar o risco e começar o novo jogo, pensei que fosse um bug a princípio, nunca imaginei que fosse o tal mod interferindo no menu dessa forma e então a cena clássica da carruagem e a cidade atacada pelo dragão se iniciou. Ao chegar na parte em que se escolhe o personagem algo estranho acontece, após concluir a criação tudo fica escuro, como se estivesse a noite, e a única fagulha de luz que se podia ver era no final da cidade, naquela hora meu personagem podia andar livremente e todos os outros ao redor estavam congelados, com feições inexpressivas, porém não era possível interagir com nada, pois o jogo dava a mensagem de que minhas mãos estavam atadas, e então decidi seguir a tal luz.

Quanto mais eu me aproximava, mais a escuro ao meu redor ficava e aquela luz se tornava a única coisa visível e finalmente eu podia ver que aquilo era uma raposa, com o diferencial de que uma das patas lhe estava faltando e ela parecia manca, com isso dito, ela parecia estar vagando sem direção para algum local aleatório, naquele momento minha ficha havia caído, o mod causou grande parte da bagunça naquele jogo, mas já que eu estava lá decidi prosseguir e seguir a raposa. Depois de um tempo, ela parou em cima de um amontoado de terra e ciscava lá com suas patas, o que não era comum, pois aquela animação não existia para nenhum animal e resolvi tentar pegar a pá que estava convenientemente ao meu lado, porém minhas mãos estavam atadas e eu não podia fazer nada, até que a raposa se virou contra mim e pulou me mordendo. Eu perdi um pouco de vida, mas minhas mãos estavam livres, no entanto o animal continuou me atacando e então eu resolvi matar ele para que eu pudesse sobreviver, no soco, pois não havia nenhuma arma, até que simplesmente ele caiu no chão e seu brilho desapareceu por completo, me deixando sozinho na floresta em meio a escuridão. Naquele momento pensei em fechar o jogo, senti um grande sentimento de desamparo e tristeza, foi até que simplesmente uma mensagem na tela surge "Vê? É assim que eu me sinto, todos os dias" e então, ainda no escuro, observo vários pontinhos vermelhos brilhando, como se fossem olhos cintilantes me vigiando, sussurrando alguma coisa. Eu não tinha coragem de me mover ali, mas eles foram se aproximando e era possível ver a fome deles estampadas em seu rostos iluminados pelo brilho vermelho das pupilas, assim como também era visível o rastro de sangue que eles deixavam no caminho. De repente, imagens simplesmente pularam na tela, mas eram imagens reais de um homem com aparência sinistra segurando sua raposa e logo depois ela estava deitada no chão totalmente ensanguentada e sem vida, e logo depois ele enterrando a raposa com aquele seu mesmo sorriso, um tanto quanto sádico. E então simplesmente fica escuro, e em letras garrafais outra mensagem surge: "O prato está na mesa, Alex".

Homem segurando a raposa

Eu nem precisei fechar o jogo, ele crashou e se desligou sozinho, saí do meu quarto o mais rápido possível, precisava de companhia e não queria pensar naquilo. Ao descer, fui até minha mãe e ela disse exatamente o que estava escrito na tela do meu computador "O prato está na mesa, Alex", naquele mesmo momento eu gelei e vi meu pai abrindo a porta, dizendo que havia acabado de atropelar uma raposa, mas não conseguia ver ela em lugar algum. Abri a porta e olhei para o carro, a marca de freio ainda estava lá e um rastro de sangue se fez pelo local, a única coisa que sobrou foi a perna do canino.

Advertisement