Wiki Creepypasta Brasil
Advertisement

Mila ia pra escola sempre ia caminhando com sua mochila vermelha com detalhes pretos quando ela chegou na escola se sentou em seu lugar, encontrou sua melhor amiga que estava em um estado péssimo sua pele estava extremamente pálida cheia de olheiras, o recreio chegou ela sentou do lado de sua melhor, amiga como sempre fazia quando ela finalmente falou com ela sua voz estava tremula ela disse, ( a vida não e só o que você ver o invisível pode ficar visível venha até minha casa que você ira entender).


Mila saiu de sua escola e foi pra casa, de sua amiga conforme como ela havia pedido, ela viu um símbolo estanho desenhado no chão de seu quarto ela disse está pronta? Mila respondeu sim o céu parece que ficou vermelho escarlate, as paredes começaram a sangrar a amiga de Mila caiu dura no chão um ser alto, musculoso e com um rosto que parecia, uma mascara assustadora Mila saiu correndo sem pensar duas vezes.


quando chegou em casa Mila decidiu tomar um banho de água fria mais quando fechou os olhos a imagem da criatura com um sorriso sádico apareceu pra ela quando ela abriu os olhos a água do chuveiro havia se tornado sangue, a mãe de Mila havia chegado em casa quando ela olhou pra Mila seu olhar amoroso se transformou em um olhar de ódio profundo e começou a atacar sua própria ilha numa cena brutal e barbara Mila lembrou- se de um pé de cabra que tinha na gaveta do banheiro e bateu fortemente na cabeça de sua mãe e saiu correndo chorando e ensanguentada correndo pra casa de seu tio um homem caridoso e gentil.

Que a ofereceu abrigo ela,tomou um bom banho quente pra tirar o sangue quando ela saiu do banho ela viu no espelho uma versão pálida de olhos vermelhos de si mesma que conversou com, a mesma e disse (não adianta se esconder ele te encontrar pegue essa faca e acabe com o serviço do rei) quando ela sentiu uma mão grande e ressecada tocando seus ombros um cheiro de enxofre surgiu no ambiente.


ela desmaiou e acordou em hospital ficou la durante 6 meses e sempre recebendo visitas do espirito que ficava a torturando física e psicologicamente e em seu ultimo mês ele mordeu sua bochecha arrancando um pedaço quando finalmente recebeu alta ela estava em um estado pior que sua amiga magra ,pálida, cheia de olheiras e sem um pedaço da bochecha quando ela se lembrou do conselho se seu reflexo ela meteu uma faca em seu coração finalmente acabando com seu sofrimento.

Advertisement