Wiki Creepypasta Brasil
Advertisement

" Eu sou o verdadeiro humano " - Delma a sombra fantasma


Delma Phantom Shadow é uma sombra fantasmagórica de uma mulher egoísta que tem um certo ódio pela humanidade. Ela é protagonista de sua própria origem na história e antagonista de um relato “Delma A sombra fantasma”. Ela é meio humana e meio sobrenatural, criada por sua mestra chamada Kardama Dead Child, Delma é conhecida por sua natureza egoísta, uma assassina cruel de crianças amadas por seus pais e uma neurodivergente possuindo TEA( Transtorno do espectro autista). Ela é uma creepypasta ( história de terror da internet) foi criada por um usuário anônimo chamado kardamaHHmoon/eloisekardama. Ela foi publicada na internet em 2020 e atualizada em 2022. Assim como qualquer outra Creepypasta, é um personagem fictício para histórias e fanarts. Um personagem ligado ao sobrenatural, nada haver com a realidade e também um personagem de terror.

O nome verdadeiro dessa mulher é Delma William, ela pode ser chamada por outros nomes: Alma negra, A Errada, A Egoísta, Aquela que vivi na escuridão e ela possui uma identidade falsa onde ela é chamada de Amélia Annenberg. O seu pai assassinado misteriosamente se chamava Alex William e a sua mãe desaparecida Verônica William. Ela como Amélia, trabalha como assistente de veterinária, agora como Delma Phantom Shadow, ela é um Daemone (Proxy de Kardama Dead Child), onde ela é responsável em ficar em sociedade morando entre os humanos e passar informações para seus parceiros sobre as próximas vítimas. Também passar informações de outras entidades que ela achar na sociedade humana. Suas habilidades são além do ser humano, tento força e velocidade desproporcional e também pela sua mestra, ela recebeu poderes pela sua forma sobrenatural, deles como Manipulação das Sombras, Cópia de poderes, Possessão, Intangibilidade e Telecinese. Ela era humana até a Kardama transforma-la em sobrenatural, porém ela ainda tem um pouco de humanidade restante. Seus passa tempos se consiste em ler livros e montar quebra-cabeça. Os seus objetivos atualmente é descobrir quem matou seu pai para vinga-lo e encontrar sua mãe desaparecida. Ela é uma sombra assassina trágica.

História:[]

Delma, uma criatura que se aparenta ser uma espécie de fantasma obscuro que ataca as crianças pelo seu prazer, mal sabem que na verdade esse "fantasma" é na verdade uma humana, o nome verdadeiro dessa humana é Delma William, você já deve estar se perguntando "O que aconteceu com ela pra virar esse monstro?", bom ela era uma adolescente autista(TEA) que por isso tinha muita dificuldade em relações sociais, ela só estudava em casa, sua vida era um desgosto, tinha muitos problemas com seus pais, seus pais brigavam muito, tanto com ela quanto entre si, essas brigas continuavam de mal a pior, isso fez a Delma ter depressão e cortava seus braços escondido dos seus pais a noite. Um dia obscuro, finalmente terminou da pior maneira as brigas em casa. Seus pais estavam discutindo pela última vez, a mãe dela bateu no rosto do pai, pegou sua bolsa e foi embora de casa. A Delma não queria que a mãe fosse embora, implorou pro seu pai trazê-la de volta, porém ele recusou e ainda gritou com ela dizendo que foi tudo culpa dela. Delma depois de ouvir essas palavras horríveis não aguento, ela não tinha como resolver esses problemas, decidiu fugir de casa, ela pegou sua mochila, pegou as coisas mais importantes, esperou escurecer, quando o seu pai foi dormir, ela pulou da janela do quarto, então foi para a floresta e correu pra longe o máximo que pudesse. No meio da corrida começou a chover, ela acelerou o passo para achar abrigo, conseguiu se abrigar em uma casa abandonada, ela estava muito cansada de tanto correr e chorar, então resolveu descansar em uma cama com o colchão todo rasgado e sujo, mas não era problema, ela trouxe na sua mochila certas coisas pra limpeza pra limpar um pouco do colchão, esperou secar e depois pegou um cobertor pra colocar por cima. Como estava a noite era a hora de dormir, ela se cobriu aos pés ao pescoço e fingiu dormir para que pegasse no sono. Quando finalmente conseguiu dormir de fato, ela teve um sonho perturbador, sonhou com uma criança com uma camisola cinza, de olhos azuis e cabelos longos pretos, sorrindo de forma assustadora e dando a mão pra ela como se fosse fazer um acordo. Delma apertou a mão dessa garota misteriosa no sonho e ela acorda pro mundo real depois de ter ouvido um barulho de vidro quebrando, ela pulou de sustou, ela olhou pela porta da cozinha que foi onde veio o barulho, pensou um pouco depois voltou a dormir, já que era uma casa abandonada e estava chovendo deve ser um vidro da janela que acabou caindo, era normal ter as coisas caindo aos pedaços naquela casa que parece que foi abandonada a 20 anos atrás, quando Delma tentava dormir de novo o barulho apareceu novamente, depois se repetiu três vezes, isso deixou Delma assustada, tinha alguém na casa, ela não entendeu o porque, quem iria entrar numa casa abandona? não tinha nada ali, ela então se escondeu de baixo da cama e levou suas coisas junto para caso esse tal individuo não roube. Barulho de passos se aproximava do quarto onde a Delma estava, a porta do quarto se abre sozinha, entrando uma névoa congelante que até criou neve nós cantos do quarto, alguém entrou no quarto, parecia que era uma menina pelos seus pés que tinha uma sapatilha, ela se aproximava da cama, quando chegou, colocou a mão de unhas grandes, pintadas de pretas com o símbolo de estrela de 6 pontas em cima da mão para de baixo da cama, quase encostando no rosto da Delma, quando essa tal menina iria agarrar o rosto da Delma, do nada ela escuta um barulho vindo na cozinha, então ela sai de perto da cama, rindo com uma voz estranha e assustadora. Delma ficou apavorada, que garota era aquela? parece que está vivendo em um filme de terror, Delma aproveitou que a chuva parou e saiu do quarto pela janela para a floresta de novo, no meio do caminho aparece tentáculos pretos envolta nos seus braços que veio de uma criatura alta, de terno e sem rosto que era denominado como "Slenderman", uma lenda urbana que habitava na floresta, aquilo era real e iria matar a Delma. Ela estava prestes ser partida ao meio pelos tentacúlos, até que o Slender some de repente, que resulta ela caindo no chão machucando sua perna, o ambiente envolta dela, aparece a névoa e a neve novamente. Delma começa a ficar tonta, perdia sua visão lentamente, estava preste a desmaiar, antes de apagar por completo, em alguns segundos viu aquela mesma menina que viu no sonho e logo apagou por alguns dias. Quando abriu seus olhos, estava se sentido diferente, ela acorda em um lugar estranho, que por sinal era muito frio, o ambiente era feito de gelo e cristal, Delma não estava compreendendo a situação que estava, ela se apavora quando percebeu que sua aparência estava diferente, era semelhante a uma sombra fantasmagórica, seus olhos castanhos mudarão para dourados brilhantes com a pupila reta como de um gato e seus caninos dos dentes crescem como de um vampiro. Delma estava sentada em uma cadeira grande e a mesa de jantar enorme feita de gelo puro, no outro lado da mesa estava alguém sentado, era uma mulher repugnante, tinha cabelos longos negros como carvão, olhos azuis paranormais possuindo veias, pele pálida, marcas em forma de losango nos cantos da boca, vestindo um manto esquisito preto com margens brancas e as mãos iguais aquelas que quase encostaram no rosto da Delma. Essa mulher era a tal menina do sonho, essa criatura invadiu seu sonho para combinar certo acordo para a humana sombra, Delma perguntou desesperada de quem era ela e o que pensa que vai fazer, a mulher responde com sua voz agoniante que o nome dela era Kardama e não irá fazer nada a menos que a desse motivo para mata-la, a Kardama explica que está se sentindo muito sozinha ultimamente, muito triste, por isso queria ter companhia diz de forma que ela estava sendo irônica do que triste, Delma depois dessa tentativa de empatia não acreditou nela, não arriscou a despreza-la por causa disso, a Kardama contou toda a história da Delma de forma que como se fosse ela passando por tudo aquilo, Delma depois de ouvir sua própria história ativou suas lágrimas, chorando pelo o que passou, então a criatura viu seu rosto triste e sorri sadicamente. A criatura chega no ponto, disse que não importava o que aconteceu, não a nada que possa mudar o que já foi feito, e não se deve piorar o que já estava pior. A Kardama chega perto da Delma e diz com sua voz assustadora "Você é minha agora e para todo sempre, faça que todos tenham medo de você" e repetiu de novo de maneira clara e apavorante "Você me pertence". Então raios apareceram em volta da garota, isso era ela recebendo poderes através da Kardama, adquirindo habilidades sobre-humanas, Kardama a treinou para que usa-se corretamente, isso durou bastante tempo, quando ela conseguiu aprender o mínimo, Kardama instalou os dedos teletransportando de volta pra sua casa abandonada, então com seus poderes voltou pra sua casa antiga pra ver seu pai, ela pensava que pode resolver as coisas com esses poderes, ela entrou na casa com sua forma humana, então começou a chama-lo, mas sem resposta, não achou ele em toda a casa de cima, então foi procurar no porão, na medida que descia as escadas dava um nervoso na Delma, quando desceu o ultimo degrau, ela liga a luz e encontrou o corpo do seu pai, cheios de cortes profundos, a mandíbula aberta, a cabeça esmagada e os órgãos espalhados no chão. Ela gritou alto apavorada por ter visto seu pai naquele estado deplorável e chorou muito no chão. Ela não fazia ideia de quem o matou, se questionava com todos que conhecia, ela pensava que foi aquela criatura que a transformou em um monstro ou era o homem alto já que o pai dela falava sobre ele que ela não acreditava. Seu objetivo agora é achar quem matou seu pai e matá-lo no mesmo jeito que foi sua morte independente de quem seja.

Aparência:[]

Como humana, ela é uma mulher negra, tendo cabelo escuro, curto e cacheado mais conhecido como Black Power. Possui olhos castanhos. Não tem um estilo específico, contando que seja confortável pra ela está ótimo. Possui 1,70 de altura. Agora quando se transforma em um monstro, é semelhante a uma sombra fantasmagórica, seus olhos castanhos mundão para dourados brilhantes com a pupila reta semelhante a um gato e seus caninos dos dentes crescem semelhantes de um vampiro. Antes de obter seus poderes ela tinha muitos machucados no seu corpo devido aos seus surtos e a depressão. Mas agora que ela tem poderes os machucados desapareceram pela sua regeneração.

Habilidades/Poderes:[]

- Cópia de Poderes

- Mimetismo de Escuridão

- Possessão

- Teletransporte

- Ilusionismo

- Controle Mental

- Levitação

- Intangibilidade

- Mudar de forma

- Gênia Tática

- Super Agilidade

- Manipulação de almas

- Imortalidade

- Rajada Elétrica

- Absorção da Escuridão

- Visão noturna

- Adaptação Noturna

- Ataques da escuridão

- Geração da escuridão

- Telecinesia

- Criação de Ectoplasma

- Ecolocalização

- Ampliação de medo

- Comunicação Psíquica

- Leitura da mente

- Manipulação da verdade

- Manipulação do sonhos

- Leitura Aprimorada/Melhorada

- Audição Melhorada

Personalidade[]

Tem um temperamento forte, é bem estressada, odeia mudanças de hábitos, falhar, não conseguir o que queria, é bem difícil ela confiar em alguém, tem uma inteligência fora do normal, fria, calculista, hostil, maníaca, egoísta, depressiva, mal-humorada, cruel, impiedosa, orgulhosa, gananciosa, grossa e oportunista.

Delma geralmente tem um humor monótono e pode ser vulgar em determinados momentos, mesmo dizendo que perdeu a capacidade de amar anos atrás. Ela pode ser áspera, uma psicótica sarcástica e pouco entusiasmada. Ela praticamente descontrolada, não consegue segurar sua ansiedade extrema e sempre vivi se machucando pra que pudesse ficar calma de novo.

Delma não aceita proposta de mais ninguém além de sua mestra, ela praticamente não gosta de ter que interagir com outras pessoas, ela é literalmente antissocial ao extremo desde sempre, ela odeia a humanidade com todas as suas forças, acha que na verdade a sociedade são os verdadeiros monstros e se autodenomina como a verdadeira humana ao contrário da sociedade.

Por mais que seja egoísta e sociopata, ela tem de certa empatia com pessoas especificas. Mas mesmo assim não deixa de ser uma pessoa calma, fria, indiferente, cruel, cínica, sarcástica e arrogante. Em outras palavras, ela age com uma superioridade que vem de sua confiança e de seu poder.

Fatos:[]

- Criada por kardamahhmoon

- Ela não queria ser mandada pro orfanato e nem ficar com seus parentes de outra cidade. Então ficou morando naquela casa abandonada que agora está reformada por ela e seus parceiros.

- Ela vive em sociedade normalmente, mas com sua identidade escondida e aparência de outra pessoa e hoje em dia ela trabalha de assistente de veterinária na sua vida humana.

- Delma ama animais e sempre sonhou em se tornar veterinária para ter sua própria clínica.

- As vítimas que ela ataca são as crianças, ela possui o corpo delas pra matar seus próprios pais e quando ela quiser pode alimentar das almas delas. Em questão dessas crianças que ela ataca, ela mata apenas as crianças privilegiadas ou melhor dizendo que tem amor de seus pais. Ela estraga as vidas delas por pura inveja e egoísmo só porque não recebia o mesmo no seu passado.

- Mesmo com muitas brigas e rejeições dos seus pais ela os amava. Tecnicamente suspeita de Síndrome de Estocolmo.

- Ela é realmente odeia a humanidade, até a sua parte humana, literalmente concorda com a Kardama sobre a raça ser a mais burra e inútil.

- Nasceu em 2001

- O nível do autismo dela é nível 3(autismo severo), isso foi muito difícil dela se sustentar sozinha quando fugiu de casa, ela só não morreu ou ficou estado precário porque ela tinha recebido seus poderes que ajudaram a se manter, então ela teve que amadurecer na adolescência.

- Desde a sua infância inteira até sua adolescência ela não teve nenhum amigo.

- Não foi educada de forma realmente certa pelos seus pais, toda essa má educação e egoísmo foi por influência dos seus pais.

- Delma pode falar, ler e escrever outros idiomas como Inglês, Português, Latim, Russo, Francês, Espanhol e Mandarim.

- Delma até é bem habilidosa e dedicada em muitas coisas porém ela só consegue entender certo assunto se ela se interessar ou que é de extrema importância para ela. Os assuntos em que ela fraqueja é Treinamento de combate(ela tem confiança no seu poder), Pintura,  Desenhos, Artesanato, Música, Filosofia e Sociologia.

- É muito difícil conseguir confiança dela.

- Ela já conseguiu socializar com seus parceiros e outras pessoas porém ela gosta de se isolar na sua casa ou na floresta.

- Sua frase é "I am the true human"(eu sou o verdadeiro humano)

- Delma utiliza mais os poderes do que suas habilidades físicas sobrehumanas.

Músicas temas[]

Bahari - Savage

Galeria[]

Advertisement