Wiki Creepypasta Brasil
Advertisement

Link da estória original: https://habbos-forum.forumeiros.net/t369-historia-do-boneco-de-vodu-habbo-creepypasta


Oi, meu nome é Nicole e vou contar uma coisa que aconteceu há alguns anos atrás.

Eu estava explorando o Animal Jam, quando do nada, recebi uma troca com uma pelúcia de um coelho branco de ninguém. Perguntei se era minha amiga quem fez aquilo e ela negou. Fiquei muito feliz, pois foi minha primeira pelúcia. Satisfeita com o presente, coloquei em meu quarto como decoração. Até que ocorreu algo. Eu e minha amiga Fabiana notamos algo de errado no boneco, e muito assustador. O boneco mudou de lugar enquanto estavamos no parque de diversões. Eu e Fabiana no dia seguinte, entramos no quarto, e encontramos o boneco em um lugar totalmente diferente de onde deixamos. As vezes o Boneco era encontrado em cima do sofá, com as orelhas caídas. Outras vezes era encontrado de pé, encostado em uma cadeira da sala de jantar. Diversas vezes, eu o colocava ao lado da mesa que tinha em meu quarto, mas quando retornava para a casa, o boneco estava em cima do sofá deitado. Algo, que pela lógica do jogo, não teria como ocorrer.

As coisas começaram a ficar totalmente estranhas, porque o boneco não apenas se movia, mas também, supostamente, escrevia.

Cerca de um mês de experiências, comecei a receber mensagens no meu email (que nunca passei pra alguém), que dizia: Ajudem-nos; Mandem o morto de volta para a morte.


Uma noite, eu entrei no meu quarto e vi que o boneco tinha mudado de lugar novamente. Desta vez, estava em meu sofá. Eu comecei a achar que isso era típico do boneco. Mas de alguma forma eu sabia que desta vez havia sido diferente. Algo realmente não estava certo. A sensação de medo tomou conta de mim quando analisei o boneco, e vi que tinha pequenas gotas de sangue pelas suas costas. Do nada, um líquido vermelho surgiu no boneco, algo totalmente anormal.

Um tempo depois, uma menina chamada Jade nos mandou email dizendo:

Este coelho de pelúcia é meu. Achamos que era apenas uma brincadeira, e então ela nos contou sua história:

Jade era uma jovem brasileira que jogava Animal Jam. Foram os momentos felizes da vida dela. Ela era uma menina de apenas 15 anos de idade, quando seu corpo foi encontrado morto perto de uma lagoa em uma floresta. A menina foi sequestrada e abusada por 4 mexicanos. (Ela realmente contou esta história para nós via email)

O espírito contou que sentia conforto comigo, e que queria ficar conosco e ser amada.

Sentindo compaixão por Mary e sua história, eu dei permissão para que o boneco ficasse conosco. Porém, quando conhecemos Jade, acabamos descobrindo que Jade não era bem o que parecia ser.

Um lobo do ártico marrom chamado Roberto virou nosso amigo no mesmo dia em que ganhei este boneco. E tem estado conosco desde o dia em que ganhei o boneco.

Roberto nunca tinha se apaixonado pelo boneco. E sempre, em várias ocasiões eu dizia que o boneco era maligno, e que devíamos nos livrar dele. Mas eu tinha uma compaixão com o boneco. E sem dar muita atenção a Roberto, acabei ficando com o boneco.

Fabiana, irmã mais velha de Roberto, me contou por email que seu irmão acordou, na vida real, numa noite de sono profundo em PÂNICO. Mais uma vez, ele teve um pesadelo. Só que dessa vez, parecia ser diferente. Era como se ele estivesse acordado, mas não conseguia se mover. Ele olhou ao redor da sala, mas não notou nehuma coisa fora do comum. E então ocorreu. Olhando para baixo, em direção aos seus pés, ele viu o boneco. Ele começou a deslizar lentamente sobre sua perna, subiu sobre seu peito e então parou. Em poucos segundos depois, o boneco estava estrangulando-o. Paralisado, Roberto estava no ponto de asfixia, ou seja, apagou. Ele acordou na manhã seguinte e estava querendo acabar com esse boneco.

Roberto foi no meu quarto onde ficava o boneco, quando de repente, ruídos estranhos começaram a sair da caixa de som. Ele tentou sair do AJ, mas não tinha mais a opção de sair nem o X de fechar o navegador.

"Pare com isso" Roberto falou.

De repente, o boneco sumiu.

Roberto saiu do quarto.aliviado.

desaparecido.)

bom?

Estavamos jogando Animal Jam e estavamos na Festa De Jantar, e me chega um email.

Morrendo de medo, eu abri o email. Havia a foto de uma pelúcia de um coelho com um coelho branco com manchas marrons no pelo ao lado da pelúcia.

Apareceu Jade na minha toca. Ela disse:


"Você vai ver."

Roberto parecia ser o mais afetado neste caso. Ele começou a ter alucinações e enlouqueceu. Hoje, Roberto não está mais vivo. Ele se matou. (Soube da notícia pela Fabiana via email)

Hoje, o boneco ainda está no meu quarto.

Eu fiz uma promessa, na qual nunca mais entraria em minha toca.

Com o passar do tempo, essa história foi compartilhada num fórum, e chegou numa pessoa que havia acontecido o mesmo, e ela me procurou. Tivemos uma conversa, e ela me pediu para não expor seu nome.

Ela nos disse que foi o mesmo caso, o amigo dela enlouqueceu e se matou. Depois que ele se matou, os pesadelos acalmaram e tudo voltou ao normal. Mas o boneco continuou em seu quarto mudando de posição.

No final da conversa, decidimos tentar saber o que havia acontecido. Meses depois, juntando todas os acontecimentos, tivemos uma conclusão:

Lembram-se do email que recebi? Aquele que estava escrito: Ajudem-nos; Mandem o morto de volta para a morte.

Então, nossa conclusão, foi de que Roberto era o morto. E que, enquanto não morresse, nada iria voltar ao normal. Embora não sabemos ao certo.

O boneco continua em meu quarto mudando de posição todos os dias. O jeito foi eu me acostumar com isso.

Advertisement