Wiki Creepypasta Brasil
Advertisement
Nina The Killer Photo Montage

Nina The Killer

Aquela estrada de não retorno, aquela estrada assassina que ela tinha tomado era sua queda ... foi seu pior erro. Ela matou toda a sua família: sua mãe, seu pai, mas o que ela nunca perdoaria estava matando seu principezinho, pelo menos no passado ela chamava seu irmão Chris que foi brutalmente massacrado por ela mesma. TUDO TEVE SUA FALHA! Sua culpa por deixar você! embora, em vez de culpar a si mesma, soubesse perfeitamente quem era o culpado, a culpa de todos os infortúnios que cometera não era nada mais do que Jeff The Killer. Foi ele quem guiou sua mão assassina, foi ele quem se apaixonou loucamente por ela, mas acima de tudo foi ele quem foi a causa de sua destruição total. Ela havia se apaixonado por aquele assassino que havia prometido amor eterno por um longo tempo, que juntos eles matariam quem eles quisessem e eles sempre amariam e cuidariam um do outro ... MAS CÉREBROS TINHAM SIDO! Desde que se seguiu esse caminho da morte estava ciente de que ele gostava de ver correr o sangue inocente de suas vítimas através de seu corpo, mas agora só sentia um profundo ódio Jeff The Killer e uma enorme pesar por todos aqueles que morreram em suas mãos. Agora ele estava sem rumo, pensando e tentando ver seu rosto no espelho ... mas era inútil, porque agora, em vez de prazer sentiu náuseas ver seu rosto desumano, e embora ela não iria admitir isso estava se tornando mais humano apenas como antes de perder o motivo. Ela sabia perfeitamente bem que não havia como voltar atrás,


Nina sabia exatamente onde Jeff estava, neste momento ele estava no parque e ele provavelmente estava procurando por uma nova e infeliz vítima ... JA, JA, JA! Pobre ingênuo, ele nem sabia que esse seria seu último assassinato. 


Nina: -Desfrute de matar sua próxima vítima ... porque será o último Jeff The Killer! Ha ha ha ha ha ha! A risada de Nina não era mais sádica e assustadora, mas era uma risada zombeteira, mas normal. 


Jeff tinha finalmente terminado de matar sua vítima, esta era uma menina de 7 anos que dormia tranquilamente em sua cama e agora seu sonho era eterno. Nina não parou de seguir Jeff por todo o parque, era tão repugnante ver aquele rosto emaciado que no passado se apaixonara tanto. Jeff podia sentir que alguém estava espionando ele, então ele se virou, verificando se não havia nada para si mesmo que continuasse. Ele alcançara as profundezas do parque em vez de ser muito grande, quase tão grande quanto uma floresta. Era um lugar escuro, cheio de galhos retorcidos e com um toque assustador, o vento corria e os galhos duros colidiam um com o outro. 


Nina não resistiu mais e ela se jogou contra Jeff tentando perfurar o braço dele com a faca ... o que eu não posso fazer. Ambos caíram no chão um do outro. 


Jeff: - maldito bastardo como você ousa! Mas quem diabos! -Jeff não pôde continuar, agora eu podia ver claramente o rosto de seu atacante - seu ... você ... é -Jeff não sabia o que dizer. 


Nina: - assim é! Sou eu, Nina The Killer! Ela disse enquanto pegava sua faca. 


Jeff: - O que diabos você está fazendo aqui? É melhor você ir embora - disse Jeff enquanto pegava sua faca ensanguentada - a menos que você queira ir dormir, hahaha! Ele disse com uma risada sádica. 


Nina estava em guarda ... não importava se ela morresse ali e se ela morresse levaria o assassino brutal com ela. 


Nina: Não subestime o verme, vamos parar de perder tempo! -Nina disse enquanto corria para Jeff - ISTO PARECE AGORA! 


Nina tentou esfaquear Jeff mas isso foi muito rápido e sem lhe dar tempo para quebrar um dos braços de Nina. Ela uivou com a dor em seu braço, mas ela ainda não desistiu ... não até que ela se vingasse. 


Jeff: - O que há, Nina? Você não ia me matar? -Disse isso com sarcasmo - e por que você está fazendo isso? Só porque te deixei em paz? Uajahaha, se você é uma menina boba ", disse ele, pegando sua faca e observando enquanto Nina estava sentada no chão. 


Nina olhou para cima, enquanto Jeff olhou para os olhos, aqueles olhos que eram agora anegrados pelo mesmo ódio, um ódio que começaram a surgir a partir do dia em que o conheci ... um ódio que nunca quis para ver o interior. 


Nina: -tu ... seu filho da puta! Você teve a maldita culpa de eu pegar esta estrada até a morte, você guiou minha mão assassina! Foi sua culpa que eu matei minha família! - Disse isso cerrando os dentes - agora você vai me pagar! 


Jeff ficou mais que ofendido por tais palavras que, sem pensar duas vezes, pregou a faca na perna de Nina para que ela não pudesse escapar. 


Nina: - AHHHHHHHH! O grito de Nina foi de partir o coração. 


Jeff estava se aproximando dela mais e mais. 


Jeff: você quer me dizer o que há de errado com esta vida? - Pergunto isso com intrigas - fico muito feliz em ver como minhas vítimas se contorcem em minhas mãos, não é mesmo? Haha haha 


Nina acordou apesar de tudo, sua perna doía muito, mas ela não conseguia desistir. 


Nina: -Talvez você seja feliz assim, mas eu já não sou ... Eu sei que matando você eu não vou ganhar o céu, mas pelo menos eu vou te levar para o inferno, é onde você pertence Jeff The Killer! 


Nina pulou e pulou contra Jeff, finalmente passou pelo braço esquerdo onde ele tinha a faca. Jeff não queria largar a faca, mas a dor era tão insuportável que ele não teve escolha. 


Jeff: - AHHHHHHHH! DAMN BITCH! Já verás! Jeff se levantou rapidamente e pegou o braço da garota, enquanto a mão direita segurava a faca de novo. 


Jeff não a soltou por mais do que Nina tentou, agarrou-a pelo pescoço e puxou-a para perto dela muito bruscamente. 


Nina: - solte o verme assassino! 


Jeff: - JAJAJA JAJAJA! Você era tão idiota a ponto de achar que me derrotaria? Você achou que você era forte o suficiente para me matar? JAJA JAJA! Bem, deixe-me dizer uma coisa, Nina, querida ... - disse ele num tom zombeteiro - vir me encarar foi o seu pior erro! Agora vou te matar! Jeff disse enquanto enfiou a faca na garganta de Nina - VÁ DORMIR MEU QUERIDO NINA! 


Eu finalmente consegui ... Jeff conseguiu matar a Nina. Em sua faca corria o sangue carmesim de Nina, a assassina, a adolescente que não conseguia matar Jeff, o assassino ... ou assim parecia. 


Jeff: - Eu te disse Nina, você não deveria ter vindo me encarar - disse Jeff enquanto jogava a faca no chão pensando que ele já tinha vencido a batalha. 


Jeff foi capaz de começar de novo, esperando que no caminho ele pudesse encontrar outra vítima para colocá-la para dormir também, mas de repente ele tropeçou e caiu no chão, ele virou o rosto e podia vê-la ... aparentemente ela não tinha ido dormir ainda. Nina sentou-se quando o sangue correu de seu pescoço e conseguiu pegar Jeff, que naquele momento não estava preparado. 


Nina: 'Eu ... Wh ... VOCAs Jeff Nina disse hesitante comigo ... Agora eu percebo que eu deveria liberar ... o mundo de sua maldade pura ... se eu morrer você morre comigo ... e voltar verme não prejudicar pessoas inocentes! -Nina disse enquanto eu prego a faca no coração de Jeff - VÁ DORMIR JEFF O ASSASSINO! 


Jeff: -AHHHHHHHHHHHHHHHHHH-O grito de Jeff foi ouvido em toda a floresta enquanto seu sangue manchava suas mãos assassinas. 


Nina não aguentou mais e caiu no chão, feliz por saber que tinha conseguido atingir seu objetivo que estava em suas mãos há algum tempo. Jeff gritou como um louco e rastejou no chão perto de Nina, ela conseguiu machucá-lo ... mas infelizmente eu não posso tocar seu coração desde que ele estava protegido. 


Jeff: jaajajajajajjajajajajaj! Você não poderia me matar, Nina e agora você está morta ", disse Jeff, enquanto se arrastava para longe mais e mais" no final, se eu pudesse fazer você dormir ", disse ele colocando seu melhor sorriso sádico e desaparecendo na escuridão da noite. 


É verdade? Nina The Killer morreu sem perder seu objetivo? Jeff estava convencido de que era. Seus assassinatos nunca cessariam, cada uma de suas vítimas teria uma morte lenta e dolorosa, ele sabia perfeitamente bem que ninguém poderia detê-lo, NINGUÉM PARARIA NUNCA! Mesmo Nina não podia impedi-lo, então, por enquanto, Jeff continuaria a levar sua mensagem de morte eterna: IR PARA DORMIR! Isso mataria qualquer um que ele conhecesse. 


E era verdade que seus massacres não cessariam, e que mais e mais inocentes se afundariam no descanso eterno ... pelo menos não por agora

Jeff y nina by janamillareme-d6hgjfr
Advertisement